José Saramago – 6 de novembro – 4a capa