Enio Squeff

Enio Squeff iniciou sua carreira de ilustrador e pintor na década de oitenta, quando trabalhava na Folha de São Paulo, depois de ter atuado, sempre como jornalista e crítico musical, na revista Veja e em O Estado de S. Paulo. Ilustrou, entre muitos outros, a coleção, “Os Grandes Nomes da Literatura Internacional” (Riográfica, hoje Editora Globo), a Odisseia, de Homero (tradução de Odorico Mendes, Edusp), Com Palmos Medida (organização de Flávio Aguiar, Boitempo), etc. É autor do painel “De Saulo a Tarso a São Paulo”, de 118m2, hoje no SESC-Itaquera, além de “O Triunfo de Dom Quixote”, no SESC-Ipiranga, relativos, respectivamente, aos 450 anos da fundação de São Paulo, e aos 400 anos da edição do Dom Quixote de la Mancha, de Cervantes. Expôs, como pintor, no Brasil e no Exterior. É autor de vários livros, entre os quais, Vila Madalena, Crônica Histórica e Sentimenta, (Boitempo) e, com Helder Perri Ferreira, A Origem dos Nomes dos Municípios Paulistas (Cepam, IMESP).

Exibindo todos 2 resultados