Machado de Assis

Joaquim Maria Machado de Assis (1839-1908) começou como aprendiz de tipógrafo na Imprensa Nacional, logo se tornou colaborador do Correio Mercantil, Diário do Rio de Janeiro, Semana Ilustrada e Jornal das Famílias (em 1858). Mais tarde também escreveu para a Gazeta de Notícias, Revista Brasileira e O Globo. Foi um dos fundadores da Academia Brasileira de Letras, na qual ocupou a cadeira n. 23. Sua literatura se divide em duas fases, sendo a primeira romântica e a segunda realista, na qual publicou obras mundialmente conhecidas e que o tornaram a maior figura da literatura brasileira. A Ateliê Editorial publicou suas obras: Várias Histórias, Quincas Borba, Memórias Póstumas de Brás Cubas Dom Casmurro.

Mostrando todos os 4 resultados